Questão de Tempo | Romance e viagem no tempo: ótima mistura

, , No Comments
O novo filme de Richard Curtis mostra mais uma vez o grande talento que reside no diretor e roteirista. Se com Simplesmente Amor (2003) Curtis demonstrou uma enorme sensibilidade em contar diversas histórias de amor embaladas por "God Only Knows", dos Beach Boys, em Questão de Tempo (About Time, 2013, Reino Unido) ele decidiu fazer uma mistura rara na cinematografia mundial: romance e viagem no tempo. A escolha já foi feita - por Robert Schwentke - em 2009, que mostrava o romance entre Rachel McAdams e Eric Bana, um viajante no tempo involuntário que conheceu seu grande amor quando ela ainda era uma garotinha.
Em Questão de Tempo a atriz é a mesma (Rachel McAdams), mas o parceiro em cena é uma cara nova no cinema mundial (Domhnall Gleeson) e ele é um viajante no tempo capaz de controlar suas incursões cronológicas e fazê-la quando bem entender. Ele é Tim, um rapaz tímido e romântico que, aos 21 anos, recebe do pai (Bill Nighy, ótimo) a notícia de que todos os homens da família têm uma habilidade genética: a de viajarem no tempo e poderem reviver os momentos e dias que quiserem. Apesar disso, Tim não pode se deslocar no espaço, e nem pode voltar a momentos que não viveu. Logo, sua viagem é limitada à sua própria vida. Tendo a única intenção de encontrar uma namorada, ele resolve usar seu dom para alcançar seu objetivo. Se muda para Londres e conhece Mary (McAdams), uma  garota de espírito livre e coração imenso. Mas conquistá-la (e reconquistá-la) não vai ser uma tarefa assim tão fácil.
Equilibrando momentos de grande apelo cômico e cenas capazes de arrancar lágrimas, Questão de Tempo trata das decisões que tomamos em nossa vida e que podem alterar o curso do destino de todos os que vivem ao nosso redor. Além disso, fica a preciosa lição de vivermos cada dia intensamente, já que não podemos voltar no tempo e consertar as burradas que cometemos no meio do caminho.
Domhnall Gleeson, o protagonista, tem uma presença interessante em cena, e a personalidade tímida de seu personagem é perfeitamente visível em sua atuação. Rachel McAdams caminha a passos largos para se consolidar como atriz de filmes românticos, embora tenha um talento que a capacita a ir além dos filmes-para-levar-a-namorada. Um bom agente e boas escolhas de papéis podem ajudar a atriz a ir mais longe em Hollywood.
Quanto ao diretor e roteirista Richard Curtis, que apenas dirigiu três filmes até hoje, a gente fica na torcida para ele resolver fazer mais filmes. Porque sua obra é de uma sensibilidade rara no cinema atual.

Questão de Tempo (2013) on IMDb